Acesso à informação Portal de Estado do Brasil
Personal tools
You are here: Home Programação 2008 Armadilha para mosca-das-frutas

Região Semi-Árido

Manejo integrado da mosca-das-frutas em pomares de fruteiras tropicais com uso de armadilhas

Arquivos para download Arquivo MP3 - Armadilha para mosca-das-frutas

Prosa Rural explica como fazer armadilha para mosca-das-frutas

 

A mosca-das-frutas é um problema que afeta várias culturas frutíferas brasileiras trazendo prejuízos para os produtores. Infestadas por larvas deste inseto, as frutas perdem seu valor no mercado. O melão, por exemplo, uma das principais frutas exportadas pelos estados do Rio Grande do Norte e do Ceará, só é aceito em alguns países se for produzido em uma área comprovadamente livre desta praga. Seu controle normalmente é feito com o uso de produtos químicos. Mas pesquisas da Embrapa já indicam uma forma alternativa e mais saudável de livrar as frutas de um inseto tão inconveniente.

O uso de produtos químicos para o combate da mosca-das-frutas representa um gasto considerável para o agricultor, traz riscos para a saúde dos trabalhadores e dos animais que vivem na propriedade, além de contaminar o meio-ambiente. Devem ser aplicados no momento mais propício e nas quantidades certas. Por outro lado, aplicações com freqüência e quantidades abaixo das necessárias não controlam a praga e podem gerar resistência das moscas ao inseticida.

Com a armadilha para a mosca-das-frutas, técnica desenvolvida pela Embrapa, o produtor captura insetos já adultos e, com isso, consegue monitorar seus pomares. “Colocando-se a armadilha, tem-se a idéia da existência ou não da mosca-das-frutas, qual a quantidade de insetos que existe no pomar, o nível populacional da praga”, explica o pesquisador da Embrapa Agroindústria Tropical, Raimundo Braga, que participa do Prosa Rural. “A partir daí, pode-se decidir que sistema de controle vai-se usar para reduzir ou eliminar a incidência da praga, evitando-se danos econômicos”, complementa.

Conforme explicações de Braga, que o ouvinte pode conferir no programa, a armadilha pode ser construída facilmente pelo próprio produtor, utilizando garrafas plásticas e sucos de frutas já estragadas misturados com açúcar ou rapadura. O uso sistemático diário desta técnica reduz tão significativamente a população da mosca-das-frutas que, no caso de pequenos pomares, pode permitir a eliminação do uso de inseticidas. Produtos químicos eliminam as moscas mas também matam seus inimigos naturais, criando um ambiente favorável para sua propagação. Já com a armadilha, o produtor acaba adotando o controle natural da praga e ainda contribui para a produção de alimentos mais saudáveis, pois pode diminuir ou mesmo eliminar a presença de resíduos de inseticidas nas frutas.

 

2008/02/25
15'
Teresa Barroso (DRT 812 CE JP)
Email: teresa@cnpat.embrapa.br
Telefone: (85) 3299-1907
Embrapa Agroindústria Tropical