Personal tools
You are here: Home Programação 2008 Uso de plantas para produção de inseticidas naturais

Região Centro-Oeste / Sudeste

Recomendações sobre tipos de plantas que podem ser utilizadas como inseticida para diferentes lavouras

Arquivos para download Arquivo MP3 - Uso de plantas para produção de inseticidas naturais.mp3

Uso de plantas para produção de inseticidas naturais

 

Devido à falta de conhecimento e acompanhamento técnico, o uso de fertilizantes químicos sintéticos e agrotóxicos começa a ser considerado uma ameaça. Doses acima das recomendadas têm trazido efeitos negativos para o meio ambiente e ao próprio homem. As pragas desenvolveram resistência ao inseticida, sugiram pragas novas, os produtores rurais acabam se intoxicando e resíduos acabam contaminando a água e o solo. Para solucionar esses problemas, a Embrapa Agrobiologia, por meio de seu laboratório de controle biológico, estuda a ação de determinadas plantas como inseticidas. As pesquisas são realizadas principalmente na Fazendinha Agroecológica Km 47.

Algumas plantas, ao longo de sua evolução, desenvolveram suas próprias defesas contra insetos herbívoros, sintetizando substâncias com atividade tóxica contra insetos, podendo em alguns casos matá-los e, em outros, ter ação repelente. Os inseticidas botânicos são produtos derivados dessas plantas, podendo ser o próprio material vegetal ou produtos derivados por extração aquosa ou com solventes orgânicos como o álcool, éter, acetona, clorofôrmio, etc.

Elen Menezes, pesquisadora da Embrapa Agrobiologia, cita o nim como uma das plantas que, atualmente, vêm sendo muito utilizadas para a fabricação de inseticidas botânicos. Os extratos à base de nim podem causar a morte de insetos por intoxicação e, às vezes, agem como repelentes.

Entre as vantagens que estes inseticidas naturias apresentam está o fato de serem rapidamente degradados, o que faz com que as pragas desenvolvam uma resistência menor e ainda reduz os riscos para os organismos benéficos à lavoura. Por deixarem pouco ou mesmo nunhum resíduo nos alimentos e na terra, esses produtoes podem ser aplicados um pouco antes da colheita. Outra grande vantagem é que eles podem ser fabricados na propriedade rural a baixo custo. Durante o programa, o ouvinte pode conferir um passo-a-passo para a fabricação de um inseticida natural à base alho.

A aplicação dos inseticidas deve ser feita quando os insetos e pragas se encontram em seus primeiros estágios de vida (larvais ou ninfais), preferivelmente nas horas de pouca radiação solar e sem ameaça de chuva. É importante calibrar adequadamente o equipamento de aplicação, fazer uma cobertura adequada, de modo que atinja principalmente a parte da planta atacada pela praga. Elen lembra que, mesmo sendo derivados de produtos naturais, a fabricação e a aplicação dos inseticidas botânicos não dispensam o uso do Equipamento de Proteção Individual (EPI).

 

2008/06/16
15'
Ana Lúcia Gomes
Email: analucia@cnpab.embrapa.br
Telefone: (21) 2682-1500
Embrapa Agrobiologia